Logo
Edit


    Nosso time de especialistas em ensino do futuro está à disposição para levar você até lá.







    Veja mais sobre a blox em nossas mídias

     Inovação na educação: conheça quais são os principais métodos.

    A inovação na educação é essencial para os resultados da IES, mas quais são os principais métodos educacionais?

    Em períodos cada vez mais curtos, o mundo tem sofrido modificações bruscas. Antes, o estilo de vida, a maneira de pensar, o mercado de trabalho, dentre tantas outras coisas, poderiam se estender por mais de 100 anos, mas, atualmente, isso não é transmitido nem para a próxima geração. 

    Para ter uma ideia sobre essas mudanças, em menos de 200 anos, o mundo já passou por 4 revoluções industriais. Três delas, em um período de 100 anos. 

    Inventado em 1976, o computador desktop, por exemplo, passou por incríveis modificações e até deu origens a outros modelos, como os notebooks, que podem ser levados para qualquer lugar, sendo utilizado, inclusive, para anotações de conteúdos em faculdades. 

    Isso mostra que o mundo está se adaptando cada vez mais às necessidades das pessoas, como podemos reparar nos celulares, que eram dispositivos que utilizavam somente para realizar ligações e, atualmente, já é possível realizar diversas tarefas, como auxiliar nos estudos. 

    Com isso, os jovens de todas as idades, inclusive crianças, estão tendo total acesso a esses novos meios. Estima-se que 60% dos que estão em fase escolar, trabalharão com profissões que nem existem ainda. 

    Por esse motivo, o ensino tradicional já está em descompasso com a realidade dos novos mercados. É preciso que as universidades encontrem métodos para realizar uma inovação na educação, mas como você pode fazer isso? 

    Métodos de inovação na educação

    Gamificação e dinamização das aulas

    Para inovar na educação da sua instituição, primeiramente, é preciso compreender que o ensino tradicional não está mais surtindo tanto efeito na aprendizagem dos alunos, ao contrário, esses métodos muitas vezes são responsáveis pela desmotivação e, como consequência, evasão nos cursos de graduação. 

    Por esse motivo, é essencial fazer com que seus discentes engajem mais e absorvam melhor os conteúdos que estão sendo ensinados. Para isso, é preciso dinamizar as aulas, sendo a gamificação uma ótima ferramenta.

    Ela nada mais é do que a utilização de elementos de jogos para deixar as aulas mais dinâmicas. Os professores que a adota em sala de aula, estão trazendo desafios ou missões para os alunos, alimentando a curiosidade e estimulando bem mais o conhecimento. 

    Com isso, prêmios podem ser oferecidos também para quem cumpre o desafio, o que pode ser essencial para as aulas.

    Uso do ambiente online

    Atualmente, a maioria das pessoas está a todo instante conectada. Seja nas redes sociais, conversando com os amigos, estudando ou mesmo realizando uma compra na internet, existe uma grande presença online. 

    As universidades podem aproveitar isso de dois métodos. O primeiro é a disponibilização de e-books, exercícios e outros complementos do conteúdo que foi ensinado, através de plataformas como sites. 

    O segundo deles, que também traz bastante inclusão, e utilizar o ambiente virtual para dar aulas

    Como muitas pessoas acabam não se inscrevendo nas universidades devido à não terem tempo para estudar, investir em plataformas de ensino à distância é essencial para a inovação na educação e os resultados da universidade. 

    Sistemas de Flexibilidade Curricular

    Os sistemas de flexibilidade curricular também são ótimas maneiras de trazer inovação na educação. Eles ajudam a trazer muito mais engajamento para sua instituição de ensino superior, evitando as turmas deficitárias, desmotivação e evasão nos seus cursos de graduação. 

    Além disso, a implantação de plataformas como o Blox, ajuda a melhorar a gestão, principalmente de ementas, onde elas podem ser feitas e enviadas com muito mais agilidade. Tudo isso, de forma gratuita. 

     Inovação na educação vs Tecnologia

    Apesar de as tecnologias serem essenciais para os novos métodos de ensino-aprendizagem, visto que os novos alunos já estão totalmente imersos nelas, é importante saber que inovar é muito mais do que isso. 

    Em 2020, pudemos ver que muitos professores ainda não estavam familiarizados e preparados para os novos meios educacionais, como o ensino à distância. Por isso, é essencial investir não só em novas tecnologias, mas também em capacitação dos docentes para utilizá-las. 

    Equipe Blox 

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *